Projeto Beleza Encoberta resgata autoestima de mulheres em situação de rua

Em mais uma ação pela valorização da mulher, a Prefeitura de Maceió realizou nova edição do Projeto Beleza Encoberta. Desta vez, seis mulheres em situação de rua da capital atendidas pela Casa de Passagem Familiar ganharam um dia de beleza. As atividades ocorreram nesta terça (27) e quarta-feira (28).

As mulheres foram levadas da Casa, localizada no Centro, ao salão de beleza Fik Chik, na Pajuçara. No Projeto acontecem rodas de conversas e ações que abordam aspectos de cidadania, autoestima, combate ao preconceito e à violência. De forma dinâmica, são discutidas construção social e a valorização da mulher que vive em situação de rua.

pertence à Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas)

Mulheres ganharam um dia de beleza. Foto Ascom: Semas

A assistente social da Casa de Passagem Familiar, Roseane Farias, afirma que o projeto é fundamental no fortalecimento da autoestima dessas mulheres. Com esse empoderamento, elas se tornam agentes ativas contra os abusos da sociedade.

“Todos os dias, vemos na sociedade o preconceito, a violência e a violação de direitos da mulher. Para as que vivem em situação de rua, isso acaba sendo maximizado pela própria condição social que é imposta a elas. Queremos que saibam seus direitos e que papel podem ter na sociedade”, explicou.

É o terceiro ano que o salão Fik Chik apoia o Projeto Beleza Encoberta, oferecendo seus serviços gratuitamente. “Hoje o dia foi delas. Elas escolheram o que queriam fazer e fizemos o possível para realizar seus desejos. Teve coloração, corte, escova, unhas e maquiagem. Essa ação mexe com a autoestima dessas mulheres. Quando estamos com a autoestima elevada no sentimos mais fortes, mais empoderadas para encarar as dificuldades do dia a dia”, disse Jeane Alves, dona do salão de beleza.

Muitas dessas mulheres nunca tinham ido a um salão de beleza, como Wanderllane Mirelle, de 32 anos, que está na Casa de Passagem há um mês e teve um dia de cuidados só para ela. “Pude fazer tudo que eu queria. Fiz hidratação e escova no cabelo, pintei minhas unhas e fui até maquiada. Estou me sentindo muito mais bonita. Fazia muito tempo que não tinha um tempo só para mim”, pontuou Wanderllane.

Wanderllane Mirelle nunca tinha ido a um salão de beleza. Foto: Ascom Semas

A Casa de Passagem Familiar é uma unidade da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) que proporciona acolhimento provisório para famílias em situação de rua.

Vanessa Napoleão/Ascom Semas

Fonte: Prefeitura de Maceió