Prefeito em exercício Ronaldo Lessa recebe visita para ampliar acessos aos serviços de saúde

Reunião foi considerada produtiva para assegurar direitos aos portadores de esclerose múltipla

O Portadores de Esclerose Múltipla terão direito a consultas e exames específicos no PAM Salgadinho, conforme garantiu a secretária Municipal de Saúde, Célia Fernandes, em reunião, durante a tarde desta segunda-feira (9), com o prefeito em exercício Ronaldo Lessa, e com a presidente da Associação dos Portadores de Esclerose Múltipla de Alagoas, Sabrina Lima.

Só na capital, de acordo com a entidade, são mais de 70 pacientes que convivem com este mal. A doença precisa ser tratada para dar mais qualidade de vida aos que têm o diagnóstico fechado.

Prefeito em exercício, Ronaldo Lessa, e a secretária Célia Fernandes se reuniram com a presidente da Associação dos Portadores de Esclerose Múltipla, Sabrina Lima Foto: Itawi Albuquerque

“A reunião foi proveitosa, da melhor forma possível. Destacamos o que pode ser feito a curto, médio e longo prazos. Tentaremos resolver o mais rápido que pudermos, porque este é compromisso da prefeitura com esta causa. Vários pontos foram abordados e a presidente da associação sai com a esperança de que, em breve, os pleitos destes pacientes serão atendidos”, afirmou o prefeito Ronaldo Lessa.

A secretária Municipal de Saúde informou que o PAM Salgadinho vai abrir as portas para que os pacientes com Esclerose Múltipla possam ser atendidos por um neurologista periodicamente. “Também vamos assegurar os exames necessários para que o acompanhamento seja dado a cada um destes portadores”, destacou Célia Fernandes.

Prefeito em exercício ouviu os pleitos dos portadores de Esclerose Múltipla. Foto: Itawi Albuquerque

Durante a reunião, Sabrina Lima elencou as dificuldades do dia a dia de quem luta contra os efeitos da doença e se mostrou satisfeita com a receptividade ao diálogo oferecida pela gestão municipal. “Feliz por ter sido ouvida. Tenho a certeza de que teremos resultado positivo diante dos pleitos dos pacientes e que todas as solicitações feitas ao município serão atendidas”, ressaltou.

Um dos pedidos mais urgentes da entidade é para confecção de uma carteira de identificação destes portadores. O documento facilita para a garantia de direitos.

Thiago Gomes / Secom Maceió

Fonte: Prefeitura de Maceió