Usuários do SUS discutem propostas ao Plano Municipal de Saúde de Maceió

Documento estabelecerá diretrizes para as ações da Saúde nos próximos quatro anos, levando em consideração as necessidades de usuários e trabalhadores

A Secretaria Municipal de Saúde segue realizando oficinas distritais para elaboração do Plano Municipal de Saúde, que reunirá diretrizes e metas a serem executadas no período de 2022 a 2025. Para auxiliar na construção participativa do documento, representantes do órgão se reuniram na Faculdade da Cidade de Maceió (Facima), nesta quinta-feira (12), com usuários assistidos nos III, IV, VI e VII Distritos Sanitários de Maceió, para discutir as sugestões e necessidades apresentadas pelo público.

Oficina do PMS envolveu participação de usuários do SUS. Foto: Divulgação

Facilitadora da oficina, a coordenadora geral de Planejamento em Saúde da SMS, Vânia Bastos, afirma que o envolvimento da população na construção do instrumento é de fundamental importância, pois traz a garantia de que os problemas prioritários da Saúde municipal serão verdadeiramente transformados em metas e ações a serem executadas pela Pasta.

“Esse é um momento decisivo para a gestão do Sistema Único de Saúde porque agrega as necessidades reais da população e as transforma em ações efetivas que, com certeza, resultarão numa Saúde mais eficiente, que escuta as necessidades da população”, pontuou a gestora.

Oficina do PMS envolveu participação de usuários do SUS. Foto: Divulgação

As oficinas participativas tiveram início na última terça-feira (10), com a presença de usuários da saúde pública em Maceió. Nesta sexta-feira (13), as atividades seguem com uma nova rodada de discussão, agora com os profissionais da saúde. Os trabalhos serão retomados na quarta-feira (18), com representantes das áreas técnicas e do Controle Social e serão concluídos no dia 31, com apresentação das metas para validação do documento.

Polyanna Monteiro / Ascom SMS

Fonte: Prefeitura de Maceió