Saúde capacita técnicos em segurança alimentar para manuseio do leite humano

Capacitação apresentou cuidados necessários desde a coleta até a liberação do alimento para consumo do bebê

Em parceria com o Hospital Universitário Professor Alberto Antunes (HUPAA), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) ofertou, nesta terça-feira (17), um curso intitulado “Segurança Alimentar no Manuseio do Leite Humano”. A atividade compõe o calendário de ações inerentes à campanha Agosto Dourado e trouxe informações sobre a biossegurança do leite materno para garantir a manutenção de sua qualidade desde a coleta até sua liberação para UTIs e UCIs neonatais da cidade.  

Direcionado aos profissionais envolvidos com a prática no município, o curso teve como assunto principal o fluxo percorrido pelo leite materno e todos os protocolos e cuidados que devem ser seguidos durante o manuseio do alimento, desde a ordenha até o oferecimento ao bebê.

Capacitação apresentou cuidados necessários no manuseio do leite materno. Foto: Ascom/ SMS

Palestrante do curso e coordenadora do Banco de Leite do Hospital Universitário, Rosângela Simões, destaca a importância de se ter profissionais cientes sobre o correto manuseio do alimento, pois é a partir deles que a população terá acesso a essas informações. 

“Sabemos que o leite materno é padrão ouro de alimentação e, para manter esse alimento em sua qualidade máxima, devemos seguir algumas recomendações desde a ordenha desse leite, passando por seu processo de pasteurização e finalizando em sua oferta ao bebê. O repasse dessas informações garante que mais pessoas estejam informadas sobre o assunto e, por consequência, menos leite será desperdiçado e mais crianças serão beneficiadas com esse alimento tão rico e necessário”, pontuou Rosângela.

Capacitação apresentou cuidados necessários no manuseio do leite materno. Foto: Ascom/ SMS

Cuidados de higiene no momento da ordenha, formas ideais de acondicionamento e refrigeração, processos de controle de qualidade e pasteurização do leite foram alguns dos assuntos discutidos durante o curso com os profissionais.

A enfermeira da Unidade de Saúde José Araújo, Viliane Lima, participou do curso e falou que as informações repassadas no dia vão ser muito úteis em sua atuação com as gestantes que, diariamente, atende.

“Esse assunto é de bastante interesse para quem, assim como eu, atende pacientes gestantes porque sempre surgem muitas dúvidas durante o pré-natal sobre a forma correta de refrigeração, ordenha e destinação do leite materno. Agora eu vou poder responder com mais propriedade e segurança todas as perguntas de nossas pacientes e estou muito feliz por isso”, disse a enfermeira.

Enfermeira da Unidade de Saúde José Araújo Viliane Lima. Foto: Ascom/ SMS

Para a técnica do Programa de Atenção à Saúde da Criança da SMS, Edjane Cabral, profissionais informados são sinônimo de população informada.

“Esse curso oferece ao profissional um olhar mais técnico sobre os processos que envolvem o leite materno até ele chegar ao bebê e dá a ele condições de orientar com mais segurança e domínio a nossa população usuária do SUS”, concluiu a técnica.

Edjane Cabral, técnica da Atenção em Saúde da Criança da SMS. Foto: Ascom/ SMS

Agosto Dourado

O calendário de ações da campanha Agosto Dourado segue até o final desse mês. No próximo dia 18, a Unidade de Saúde Djalma Loureiro, no Clima Bom, falará sobre o aleitamento materno para os usuários atendidos no local. Dia 20, a prática será discutida no Caic Virgem dos Pobres; dia 24, na Unidade de Saúde do Reginaldo e dia 26, na Unidade de Referência em Saúde Hamilton Falcão. Além das ações nas unidades, a SMS ofertará, no dia 25 de agosto, um webinário sobre o tema que será transmitido pela plataforma Google Meet para profissionais da saúde interessados no assunto.

Polyanna Monteiro / Ascom/ SMS

Fonte: Prefeitura de Maceió