Covid-19: Rio mantém suspensa vacinação por falta de imunizante

Em nova mensagem nas redes sociais, o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, reafirmou, nesta tarde, que está suspensa a aplicação da primeira dose de vacinas contra a covid-19 para o grupo de moradores com 24 anos de idade, que estava prevista para esta quinta-feira (12). Mais cedo, Paes tinha dito que as doses recebidas na manhã de hoje (37.962) seriam insuficientes para imunizar esse público e que não usaria o lote reservado para a segunda dose a fim de dar continuidade ao calendário de vacinação.

 “Apesar da interrupção do calendário por idade por falta do envio de doses, seguimos vacinando na repescagem dos 50+ e comorbidades, além da 2ª dose. Atingimos 84% dos adultos com a 1ª e quase 38% com a 2ª! Precisamos de vacina pra seguir avançando, conter a Delta e salvar vidas!”, postou o prefeito, no fim da tarde.

Nesta quinta-feira, a imunização com a primeira dose no município do Rio de Janeiro será restrita a adultos com mais de 45 anos, pessoas com deficiência, gestantes, lactantes e puérperas a partir de 18 anos. A segunda dose está mantida nos postos de vacinação normalmente.

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio aguarda a distribuição de mais doses pelo Ministério da Saúde para dar continuidade ao calendário de vacinação previsto para a cidade.

Fonte: Agência Brasil / EBC